Insights

5 dicas para fazer segmentação de clientes com eficácia

Wittel
Written by Wittel

Atualmente, com a massificação das redes sociais e com o desenvolvimento de ferramentas que buscam dinamizar a relação interpessoal mais ativa e rápida, é importante para empresas encontrar alternativas para trabalhar e facilitar a segmentação de clientes.

Com essas práticas, fica mais acessível obter um perfil mais detalhado sobre o cliente e quais são as suas demandas e necessidades.

Vale ressaltar também que esse recurso de segmentação de usuários é importantíssimo para um atendimento de contact center.

Afinal, para que esse tipo de serviço tenha mais eficácia, é ideal saber em qual diretriz o cliente se encaixa, quais os tipos de produtos que consome, suas preferências e seu comportamento perante a empresa — é um estudo que deve ser constantemente realizado pelo setor.

Você tem interesse em saber como implantar esse tipo de estratégia da melhor forma? Então acompanhe o artigo e aprenda a como segmentar o perfil dos seus clientes! Boa leitura.

1. CRM (gestão de relacionamento com os clientes)

Como dito, é imprescindível obter pesquisas e análises que buscam dados e informações sobre os clientes e quais são suas necessidades e exigências em relação ao trabalho da empresa.

Para que esse recurso seja usado da melhor maneira possível, adotar um software CRM é fundamental, pois ele estrutura as informações que a sua empresa precisa.

Além de trazer os dados referentes sobre perfis e demandas, esse sistema registra o histórico de compras. Esse trabalho é essencial, tendo em vista que as aquisições de um consumidor podem dizer muito sobre seus desejos e preferências.

Com esses procedimentos, a relação entre cliente e empresa se torna recíproca, fazendo com que seu negócio desenvolva projetos mais benéficos. Em outras palavras, é uma ótima maneira de estreitar o relacionamento e iniciar um processo de fidelização.

2. Design Thinking

Dentro do universo de consumo, o Design Thinking se responsabiliza por detectar o comportamento do consumidor perante os “ insights”. Esse termo, que é muito utilizado dentro do campo empresarial, pesquisa pequenas ações provenientes dos consumidores gerando resultados mais precisos.

No geral, o conceito se divide em três etapas:

  • imersão: pesquisa mais profunda sobre o cliente para melhorar a compreensão sobre o campo de consumo;

  • ideação: criação de ideias para a empresa;

  • prototipação: validação de ideias e planos.

Após essas análises, o recurso Design Thinking agrega todos os resultados obtidos nessas etapas e encontra medidas e soluções para as vendas.

3. Palavra-chave

Cada produto, ao ser procurado, possui uma palavra-chave dentro do campo de pesquisa. Além de ser eficiente, esse método também facilita na hora de encontrar quais os tipos de consumidores que adquirem determinado produto.

Ferramentas de busca como Google, Keyword Planner, SEM Rush e Keyword Tool Dominator são reconhecidas por serem sistemas de pesquisa que potencializam pesquisas referentes a nichos de mercado e quais são os clientes que se adéquam a essa segmentação.

Dessa forma, a empresa tem mais acesso a conteúdos restritos de determinado produto, podendo elaborar uma forma de aprimorar suas vendas e deixando sua marca mais atraente para diferentes públicos.

4. Google Analytics

Google Analytics é uma ferramenta da Google que ensina formas e métodos de desenvolver uma pesquisa mais elaborada sobre os consumidores e seus comportamentos.

Esse recurso disponibiliza análises sobre como funciona a relação entre cliente e empresa, quais as necessidades do consumidor de acordo com a região em que habita, quais são suas preferências de produtos e quais as suas características perante determinados nichos de mercado.

Somado a isso, o Google Analytics ainda disponibiliza um curso gratuito e online, no qual as empresas cadastradas podem ter acesso a um passo a passo acerca do funcionamento de todas essas etapas. Além disso, por meio dessa ferramenta, é possível elaborar campanhas e anúncios que sejam mais adequados a essas demandas e estudo sobre o consumidor.

No final do curso você ganha um certificado de conclusão, deixando a experiência mais profissional e atraente para empresas que trabalham nesse campo de atendimento.

Vale ressaltar que esse sistema tem sido muito utilizado pelo mercado e traz informações que são capazes de mudar a visão sobre a imagem do seu negócio, além de uma percepção positiva dos clientes em relação à sua empresa.

Sem dúvida alguma, esse fator é imprescindível para tornar as vendas mais visíveis não só para os empresários como também para quem compra.

5. Lucratividade

Todo esse campo de pesquisa voltada para o consumo tem um objetivo: obter um desenvolvimento lucrativo dentro da empresa. Afinal, se o seu negócio for capaz de alcançar públicos de diferentes segmentos e nichos de mercado, certamente o resultado lucrativo será mais estável e atenderá a todas as necessidades financeiras de sua empresa.

Logicamente, a questão financeira se apresenta como um resultado obtido por um esforço no campo da comunicação.

Saber atender bem o consumidor e estar ciente de suas qualidades e quais são suas preferências dentro do mercado é satisfatório não apenas para o consumo, como também para o seu ambiente de produção.

Outras formas eficientes para alcançar o seu público e obter resultados positivos é por meio do marketing digital.

É importante saber que, atualmente, dentro do campo da publicidade e do marketing, o acesso virtual tornou a relação com o consumidor mais próspera, trazendo mais rapidez e dinamismo que geram interatividades e uma relação mais próxima com a empresa.

Afinal, investir num campo de marketing que trabalhe de forma eficiente esses recursos voltados para as redes sociais cria uma comunicação mais confiante e direta. O acesso a informações virtuais é cada vez mais importante para o cotidiano empresarial.

Todo esse campo de estudo voltado para segmentação de clientes abre novas perspectivas para o seu local de trabalho.

Também vale frisar que um bom investimento voltado para a otimização da experiência dos seus clientes e seus comportamentos abre portas para uma diversidade de nichos mercadológicos, além de trazer uma relação que seja mais acessível entre a empresa e seus consumidores.

Então, gostou das dicas para realizar a segmentação dos clientes com eficácia? Não deixe de nos seguir nas redes sociais para não perder nenhuma postagem! Estamos no Facebook, no Twitter, no LinkedIn e no YouTube.

About the author

Wittel

Wittel

Comemorando 25 anos de experiência, a Wittel integra as necessidades das empresas com ferramentas de comunicação disponíveis no mercado. Tudo isso por meio de soluções que auxiliam nas interações internas (entre colaboradores) e com seus clientes, tornando o dia a dia mais produtivo. Oferece soluções de conferências e colaboração, contact center, trading floor, além de todas as aplicações voltadas ao processo de qualidade e eficiência no atendimento, tanto no modelo OnPremise como também na nuvem.

Leave a Comment

Share This