Conferências e Colaboração

10 regras essenciais para aumentar a produtividade dos funcionários

Wittel
Written by Wittel

Confira neste post 10 regras essenciais para aumentar a produtividade dos funcionários.

Os funcionários são peças-chave no bom funcionamento das empresas. Os grandes empreendimentos, por mais tecnológicos que sejam, reconhecem e valorizam o fator humano em todos os seus setores.

Todos os setores dependem, em algum grau, de pessoas para uma boa performance da empresa. Por isso há regras essenciais para valorizar os colaboradores internos e aumentar a produtividade de cada um.

Vamos entender melhor na leitura desse artigo.

Aumento de produtividade

Atendimento de qualidade, eficiência, crescimento empresarial, produtividade, feedbacks positivos dos clientes e diminuição dos problemas internos. São resultados que todo empresário busca para sua empresa.

Uma forma de atingir esses objetivos é realizar uma boa gestão de pessoas. Isso porque, funcionários engajados se empenham e utilizam suas horas com qualidade e consciência. Também são leais, ativos e tomam iniciativas positivas dentro da empresa.

Esse compromisso estabelecido com o trabalho é um dos pilares para o crescimento empresarial. Assim, pessoas engajadas e produtividade coletiva representam uma relação mútua de benefícios: aos funcionários, a empresa e aos clientes.

Vamos conhecer quais são as regras essenciais para alcançar esses objetivos.

1. Cultura corporativa

A primeira forma de incentivar a produtividade que vamos ver é fortalecer uma cultura de integração corporativa. O que isso quer dizer?
Estabelecer e favorecer uma cultura de integração faz com que o desempenhos dos colaboradores aumente.

Compartilhamento de ideias e união nos diferentes setores da empresa, são estratégias para favorecer essa unidade. A ideia é fazer com que diferentes setores se comuniquem para aprofundar e compartilhar conhecimento. Essa comunicação é facilitada com reuniões internas eficientes.

Aqui você pode baixar o “Panorama da Comunicação Interna” e ver como as empresas andam lidando com a tecnologia e as ações de comunicação corporativa.

Por exemplo, o setor de Marketing pode alinhar com o de Vendas e Pós-Vendas o discurso de marca com os clientes. Devem compartilhar experiências e ficar atualizados das principais dúvidas dos usuários.

Assim, refinam a comunicação e o trabalho fica mais produtivo, pois todos estarão integrados. Consequentemente, isso reforça a cultura corporativa da empresa.

2. Bonificação

A bonificação é uma política de remuneração no meio empresarial. Trata-se de um sistema que recompensa funcionários ou equipes que bateram metas. O pagamento monetário extra-salarial é a forma mais comum de bonificação.

É uma estratégia incentivadora para aumentar a produtividade no trabalho. Os critérios para ser recompensado podem ir além de metas de serviços. A realização de cursos e treinamentos também pode ser usada para ponderar a bonificação.

3. Treinamentos

Cada colaborador possui conhecimentos e habilidades específicas que devem ser aprimoradas para o próprio crescimento pessoal. Consequentemente, funcionários capacitados são mais produtivos e contribuem para o desenvolvimento empresarial.

Uma forma de fazer isso é investir em treinamentos de capacitação e desenvolvimento.

Os treinamentos também são essenciais quando novos recursos e ferramentas, como softwares e programas, são implantados na empresa. A equipe precisa ser treinada para utilizar os recursos da melhor maneira possível e executar suas tarefas de forma mais produtiva.

Os treinamentos podem ser:

  • Palestras de coaching;
  • Demonstrações práticas das ferramentas contratadas;
  • Inovações no atendimento ao cliente;
  • Práticas inteligentes para gestão de equipe.

Esses treinamentos são excelentes para manter seus funcionários atualizados e motivados! O melhor de tudo é que não precisa ser caro. É possível realizar reuniões, conferências e treinamentos online!

Você pode entender melhor sobre as inovações da comunicação interna com nosso ebook.

4. Incentivos para cursos

Incentivar cursos que atraiam tanto os colaboradores novos quanto os mais antigos é de grande importância para garantir produtividade.

O incentivo deve ser constante para que se mantenham atualizados sobre as práticas de suas funções. Assim, os funcionários desenvolvem seus talentos e ficam atualizados com as inovações do mercado.

Para incentivar sua equipe a participar de cursos e treinamento — e aproveitá-los ao máximo — você pode seguir algumas estratégias. Uma delas é oferecer uma certificação interna àqueles que completarem os cursos. Essa certificação poderá ser usada posteriormente para promoções e bonificações.

Outra ideia é disponibilizar plataformas onlines que oferecem cursos específicos, de preferência gratuitamente.

5. Incentivo para maior autonomia

A autonomia no trabalho é um desejo de 58% dos funcionários, segundo pesquisa feita em uma empresa de recrutamento.

Entretanto, nem sempre é estimulada dentro das empresas. Porém, incentivar autonomia dos colaboradores pode ser uma estratégia produtiva.
Habilidades e valores como responsabilidade e eficiência são afloradas. O que resulta em uma equipe mais preparada e qualificada.

6. Flexibilidade

Para algumas empresas flexibilidade no trabalho é sinal de desordem. Entretanto, o modelo tradicional de trabalho vem sofrendo modificações e melhorias ao longo dos anos.

Segundo uma pesquisa feita pela CNI, o home office ou locais alternativos são o desejo de 73% dos entrevistados. Além disso, 53% gostariam de dividir as férias em mais períodos e 58% gostariam de reduzir o horário do almoço para saírem mais cedo.

Adotar a flexibilidade no trabalho faz com que o colaborador produza mais porque se sente mais motivado. Além de realizar as tarefas com mais tranquilidade.

7. Conforto

O ambiente de trabalho é um aspecto crucial quando se fala em produtividade. Entretanto, muitas empresas não veem valor em investir em um ambiente agradável, o que diminui a produtividade da equipe.

Mas por que você deve se preocupar com o conforto de sua equipe?

Pense bem, o local de trabalho é onde os funcionários passam um grande tempo do dia. Se for um ambiente desagradável, não promoverá o estímulo necessário para desenvolver as funções necessárias.

Assim, o mais importante para garantir um ambiente produtivo é que seja limpo, organizado, e humanizado. Deve ser saudável e agradável.

Investir em ambientes de trabalhos que ofereçam liberdade e descontração para seus colaboradores têm sido uma prática utilizada. Principalmente por grandes empresas multinacionais, como o Google.

Imagem: Shuttertock

8. Oferecer lanchinhos

Sua empresa pode oferecer um mimo para a equipe. Lanchinhos – de preferência saudáveis – são ótimos para incentivar a produtividade! Não precisa ser nenhum banquete caríssimo. Uma seleção de frutas, biscoitos, leite, suco, pães e frios é suficiente para compor os lanches da manhã e da tarde.

O interessante é oferecer esse mimo em horários que as pessoas costumam estar mais cansadas. É uma forma mais humana de incentivar o dia de trabalho e aumentar a produtividade da equipe.

Além de conquistar a simpatia dos funcionários, é também uma forma de estimular a interação entre pessoas de diferentes setores! Na correria do dia a dia, fica difícil acontecer essa interação que é tão saudável para a empresa.

9. Reconhecimento

A motivação é a primeira coisa que vem à cabeça quando falamos de produtividade. Funcionários felizes produzem mais. E funcionários reconhecidos, produzem mais ainda.

Pensando nisso, investir em um time de funcionários qualificados e valorizados é investir em sua empresa e em seus clientes. Para realizar isso, é necessário promover o reconhecimento de sua equipe.

Não é fácil descobrir a motivação de cada pessoa, mas geralmente ter seu trabalho reconhecido é uma estratégia de sucesso. Ainda mais se for publicamente.

O reconhecimento pode ser manifestado de diferentes formas:

  • Aumento de salário;
  • Bônus;
  • Gratificações;
  • Reconhecimento verbal;
  • Cursos de aprofundamento e especialização.

Dessa forma, você valoriza os funcionários mais dedicados e ainda estimula a produtividade nos outro colaboradores.

10. Planos de carreira

Já faz algum tempo que o salário deixou de ser o principal motivador para um funcionário. Os profissionais estão em busca também de benefícios qualitativos e de longo prazo nas empresas. Por isso, o plano de carreira está entre os aspectos mais valorizados pelos profissionais.

Além de aumentar a produtividade, confira outros benefícios do plano de carreira:

  • Aumento da motivação;
  • Redução do turnover;
  • Mais qualidade no atendimento.

É importante lembrar que os objetivos e valores da empresa devem sempre ser claros para os colaboradores internos. Dessa forma, toda a equipe trabalha motivada e em sintonia.

Gostou das dicas?
Você pode conhecer nossas soluções de comunicação empresarial para aplicar as regras vistas aqui. Além do nosso ebook sobre a nova era da comunicação interna.

About the author

Wittel

Wittel

Comemorando 25 anos de experiência, a Wittel integra as necessidades das empresas com ferramentas de comunicação disponíveis no mercado. Tudo isso por meio de soluções que auxiliam nas interações internas (entre colaboradores) e com seus clientes, tornando o dia a dia mais produtivo. Oferece soluções de conferências e colaboração, contact center, trading floor, além de todas as aplicações voltadas ao processo de qualidade e eficiência no atendimento, tanto no modelo OnPremise como também na nuvem.

Leave a Comment

Share This